quarta-feira, 28 de março de 2012

Estou a recuperar muito bem!


É isso mesmo, queridos amiguinhos. 
Estes dias de silêncio impostos por quem sabe (médicos), tem tido um efeito espectacular na recuperação da minha saúde. O meu anjinho da guarda cuida de mim com carinho...


...e a V/ amizade enche o meu coração tal como um balão. Muito em breve voltarei para vos abraçar com  muuuuuita FORÇA, seus safadolas!

Vou ao médico dia 2 de Abril, e estou convencida que terei ALTA, pois sinto-me bem.
Até lá...recebam uma mão cheia de ternura para multiplicar por todos vós!





domingo, 18 de março de 2012

Preparativos para o dia dos PAIS! E não só...


O dia do Pai está a chegar!



E as nossas queridas Fadas e Madrinhas, do castelo que é o nosso Jardim de infância, já preparam o grande dia com trabalhos planeados com muito carinho e amor...ora vejam:



EU TAMBÉM QUERO UMMMMM!
Simplesmente maravilhoso, não acham? Tivemos um pequenito problema é que a nossa tinta adicionada com cola branca, não aderiu como desejávamos que aderisse. E assim sendo a Educadora Vânia ( a amiga que está a substituir-me enquanto ando por aqui caladinha...a tentar recuperar da infeliz disfonia crónica), teve de recorrer-se de uns marcadores. Mas o importante é o final, e esse está lindíssimo, maravilhoso. ADOREI!
E vocês??



 Mas as surpresas para o Papá, não ficam por aqui...

Ora vejam só o cartão delicioso e os embrulhos!

Com papel vegetal de arquitecto, os piratinhas desenharam o pai e seguidamente colaram em cartolina azul, a cor da nossa sala.

E o poema encantador que a Ed. Vânia fomentou com o grupo, com ternura para os super pais do sec. XXI ?


Que delicia!
Espero que a festa amanhã seja do agrado de todos os paizões piratas...ehehe! Eu por cá, vou com certeza pensar em vós e nos mimos que vão sentir, quando abraçarem as vossas bênçãos de vida - Os Filhos!

Bem, mas as novidades não ficaram por aqui. Na nossa sala temos um querido amigo, o Guilherme, que foi submetido a uma cirurgia, isto à cerca de dois meses atrás...


 O Gui, adora jogar futebol...e agora está mais que apto para esse jogo que tanto aprecia. Afinal ele tem um mano mais velho que é jogador, e agora já pode brincar com ele. No entanto primeiro tem de ir tirar o gesso, mas não o quis fazer sem primeiro pedir algo muito especial aos piratas amiguinhos...

 " Eu queria ter muitos desenhos dos meus amigos aqui nas minhas super botas...vá lá, vá lá!"

"Vamos nessa piratinhas, e não se esqueçam de escrever também o meu nome...LAURA!"
Para finalizar, ainda houve uma festa especial para uma princesa também ELA, muito querida!
Parabéns piratinha Matilde Bernardes. Já tens cinco anos! Boa!

video

Quanto a mim...pois bem, já vocalizo melhor, mas mesmo assim a prudência diz-me que não devo forçar.
Irei ao médico dia 20 de manhã, e depois logo se verá!
Um grande beijinho para todos vocês leitores, para Fadas e Madrinhas, mamãs e papás, e especialmente para esse Jardim encantado que é a Nossa Casa JI, a casa onde me sinto bem e feliz e que quando não estou...falta-me os vossos sorrisos, para respirar melhor!

Com carinho...

segunda-feira, 12 de março de 2012

Inflamação exagerada da Epiglote


As novidades foram mais animadoras.
Na sexta feira passada saíram os resultados do famoso exame: Endoscopia laríngea.


Após uma curta mas dolorosa observação, foi registado dois nódulos (algo que já esperava!), mas que não requer cirurgia para já. Vamos primeiramente retomar os encontros com a querida terapeuta Luciana e voltar aos ch´sssss, f´ssssss e s´sssss (termos usados na terapia ;))


No entanto o que foi registado como prioritário pelo Dr. Otorrinolaringologista, será fazer o relaxamento urgente da epiglote. Esta entrada está demasiadamente tensa e tem um aspecto exageradamente inchado o que dificulta a entrada/saída de ar. Logo associado aos dois nódulos, reside aí o problema desta disfonia crónica.
Para já...não me deixam falar...logo eu!? Mas prometeram-me que a recuperação irá ser rápida...se eu me portar bem!

 Claro que me porto BEM!
Agora, já que não posso falar...pelo menos resta-me a escrita e essa meus queridos piratinhas, vou com certeza mandar muitas garrafas de mensagens, cheias de beijoquinhas para todos vocês...
Obrigada amiguinhos!


Adoro-vos...

quarta-feira, 7 de março de 2012


Hoje a "nuvem cinzenta" da saúde, voltou a escurecer o meu dia.
Estou rouca à cerca de seis meses e hoje foi-me PROIBIDO de falar! Tenho as cordas vocais coladas e assim fiquei com uma "DISFONIA CRÓNICA". Já frequentei a terapia da fala, mas...não chega. 
É preciso parar, corrigir e reeducar. Para tal vou ficar em casa durante algum tempo...só rezo e peço que seja realmente um curto espacinho de tempo!
Até breve...



domingo, 4 de março de 2012

ESTÃO CADA VEZ MAIS CRESCIDOS!

No "jardim" da infância, as "flores" crescem ao sabor das aprendizagens fomentadas e o cuidado dos "jardineiros" têm de corresponder com essa ânsia de evoluir. 


É notório a evolução sentida nos piratas da sala azul.
Esta semana a nossa doce educadora Raquel, contou-nos uma história sobre uma letra a T.
A partir desse momento, muitas actividades foram fomentadas para a consciencialização da noção fonológica. Venham espreitar...
  


Brincámos mesmo ali no recreio com giz colorido e tentámos adivinhar que letra transmitia o som que eu reproduzia. Através do lúdico, tudo é possível no pré-escolar. E os jogos fomentam a curiosidade e a aprendizagem informal, por parte dos piratinhas, mas, intencional da minha parte.









Outra área curricular trabalhada, foi a grafomotricidade. Com a tesoura cortámos folhas pré-desenhadas, com a finalidade de coordenar a motricidade fina e a ocular. A concentração é muito elevada ;) ehehehe!







Os nossos príncipes da Varicela já regressaram. E analisámos os vestígios no corpinho do amigo Gustavo. 
"Sabes Laurinha, isto dava muita comichão, mas eu não podia coçar!"
 Voltam uns, mas infelizmente ficam outros. Desta vez temos o Rodrigo, o Tomás, o Simão e o Lucas.


Na área das expressões, trabalhámos arduamente na modelagem de números. Com farinha, sal e água quente, formámos uma massa consistente que foi moldada à vontade durante algum tempo, depois, com as nossas mãos mágicas modelamos o número que quiséssemos. De seguida, deixámos secar muito bem ao sol e por fim foi aplicar cor. Ficou muito giro! Com certeza que durante a próxima semana iremos dar uma camada de verniz e colar por trás ímen, para que possam colar no frigorífico lá de casa.









Outra actividade promovida foi a pintura de aguarelas em papel vegetal de arquitecto. Primeiro desenharam com um lápis de carvão, seguido, de pintura com pincel. Infelizmente não tenho fotografias, mas posteriormente, quando ficou seco colámos num pedaço de cartolina preta e este trabalho ficou fantástico, na minha humilde opinião! Vejam o placar da entrada e digam-nos o V/ parecer, por favor!


Na área da matemática, muito explorámos esta semaninha! Confesso que é um tema do qual sou apaixonada e do qual estou a desenvolver um projecto de edição, logo...toca a estimular o gosto pelas descobertas e raciocínio lógico.
Aqui está os números no processo da modelagem e pintura...


Outro trabalho de reconhecimento do algarismo com o seu grafema foi modelar também papel de alumínio.





Para que a criança tome consciência de sentido de número, isto é, associe o grafema do algarismo com a quantidade que corresponde, nada melhor que proporcionar contagem com materiais que lhe são familiares. Assim, fomentámos um jogo que desenvolveu várias competências pedagógicas.
Utilizando os tradicionais "ferrinhos", eu tocava algumas vezes e pedia às crianças que contassem baixinho, quantas vezes ouvissem esse toque. De seguida, solicitava a um dos piratas que me mostrasse qual era o algarismo que correspondia a essa quantidade ouvida.  Por fim era promover mais uma contagem de materiais que ali estavam disponíveis. Todos, mas todos, desde os mais pequenos (4 anos) aos mais crescidos, corresponderam positivamente ao objectivo.



Também costurámos... seriámos e classificámos...
"Brincámos" com as linhas/superfícies onduladas e curvas, e com as rectas e a régua...foi fantástico!

 

Aqui as aprendizagens são afectivas, verdadeiras, regadas com carinho, amor, mas... com ralhetes também e à mistura. Apesar da minha rouquidão permanente a ajuda amiga das restantes colegas, fazem-me sentir uma verdadeira fada, porque é neste espaço pedagógico que encho o meu coração de dádivas e agradeço todos os dias a benção que recebo.

Adoro-vos meus piratitas safadolas!